Clique aqui para anunciar

Projeto inédito cria o Vereador a Gás. Confira as utilidades

Projeto inédito cria o Vereador a Gás. Confira as utilidades

Nesta semana os vereadores aprovaram um projeto inconstitucional que obriga a prefeitura a converter seus veículos a gás.

O bom da história é que vários vereadores foram à tribuna dizer que sabem que é inconstitucional e não vão poder reclamar quando o Napoleão vetar.

Mas já que os vereadores gostaram tanto da ideia do gás, vou propor a criação do Vereador a gás.

Vai ser assim: cada vereador vai andar o dia todo com um botijão de gás amarrado nas costas.

Principais vantagens:

  1. Economia de combustível.
    O vereador coloca uma mangueirinha do gás direto no motor dos carros alugados da Câmara e economiza gasolina.
    Em caso de explosão, o suplente terá direito a um botijão de gás novo.

  2. Pessoas numa rua querem esquentar água para o chimarrão.
    Vai passando um vereador a gás.
    O vereador senta na calçada e a turma pode esquentar a água.

  3. Presidiários que fazem roçada para a URB não têm onde esquentar a marmita.
    Lá vem um vereador a gás.
    Ele encosta no barranco e detentos podem então fazer uma refeição quente.

  4. Nesses dias frios, o vereador a gás pode caminhar pela XV com a chama do botijão acesa.
    Pessoas podem usá-las para esquentar as mãos.

  5. O vereador a gás pode voluntariamente ajudar nas festas de igreja.
    Ele senta num canto da cozinha e cede o gás para fritar pastéis.
    Enquanto estiver lá sentado, pode ajudar a enrolar brigadeiro.

  6. O vereador a gás pode ser útil também no caso de estourar uma guerra entre Brasil e Bolívia.
    Caso os bolivianos cortarem o gás, os vereadores a gás vão garantir que nossas indústria continuem funcionando.

Destaque Empresarial

Patrocinado