Patrocinado
Entenda como separar o lixo corretamente e os horários de coleta da cidade

Foto: Marcelo Martins

Entenda como separar o lixo corretamente e os horários de coleta da cidade

O contêineres de coleta de lixo da cidade foram todos substituídos por novos, e a meta é de que, até o final do segundo semestre de 2019, 2 mil contêineres seja distribuídos por todas as regiões da cidade.

A medida faz parte do contrato para prestação do serviço de coleta de lixo da cidade, que prevê o aumento no número de contêineres espalhados pelos bairros da cidade.

Porém, de acordo com a Gerência de Resíduos Sólidos, muitos materiais ainda estão sendo misturados nos contêineres dispostos, impossibilitando principalmente, a atuação da coleta seletiva.

Além disso, os horários da coleta seletiva não estariam sendo observados pela população.

De acordo com a gerência, os moradores devem, preferencialmente, colocar os resíduos nos contêineres entre 18h e 19h.

João explica:

“A coleta seletiva e comum atuam em dias diferentes para evitar que haja mistura na hora de coletar os resíduos. Porém, se o morador colocar o lixo comum após o horário que a coleta passou, a chance de ele ser coletado pela coleta seletiva é grande, uma vez que os coletores entendem que no dia que passam na via, somente o material da reciclável deve estar disposto nas lixeiras e contêineres”.

 

CONFIRA OS DIAS, HORÁRIOS E LOCAIS DA COLETA SELETIVA:

 

 

Sobre a separação, no contêiner azul, são os resíduos da coleta seletiva, reciclado, e no verde os da coleta convencional.

Conforme explica o gerente de resíduos da autarquia, João Carlos Franceschi, o lixo orgânico e os rejeitos misturados com o lixo seletivo contaminam o material e impossibilitam que ele seja reciclado e aproveitado.

A Cooperativa de Catadores do Município, que é quem realiza a triagem e separação destes materiais, ainda está recebendo muitos materiais que deveriam ser destinados à coleta comum, o que afeta no rendimento dos serviços executados.

Para evitar a contaminação do material reciclável é necessário que o cidadão retire os restos de líquidos ou comidas das embalagens, antes de separá-las e descartá-las.

Além disso, resíduos com sobras de alimentos, como embalagens de isopor utilizadas para acondicionamento de alimentos e sacolas de plástico com gordura, devem ir para o lixo comum, e não para a coleta seletiva.

O gerente também lembra que a responsabilidade pela separação, acondicionamento e disposição adequada é do gerador e que cabe ao serviço público de limpeza urbana a coleta e destinação final.

 

CONFIRA OS MATERIAIS QUE PODEM SER RECICLADOS:

 

Patrocinado
Patrocinado