Patrocinado

Diretor da Unicesumar ministra palestra gratuita sobre educação no mundo digital

Diretor da Unicesumar ministra palestra gratuita sobre educação no mundo digital

 

Teleaulas, 3D, arquivos digitais, simulações, podcasts e laboratórios presenciais são alguns dos recursos da metodologia que está conquistando, cada vez mais, alunos.

O ensino à distância está em expansão no Brasil, num momento de crescimento vertiginoso, aliado a uma consolidação no mercado educacional. 

 

Em 2019 houve 1,5 milhão de matrículas novas nessa modalidade de ensino. 

 

“Cada vez mais, está diminuindo a distância entre os alunos matriculados no presencial e no EAD. O segredo disso é a qualidade no ensino ofertado”, declara o diretor dos polos da Unicesumar de Blumenau, Gaspar, Indaial, Jaraguá do Sul e Joinville, Adriano Albano. 

 

Albano fará, no dia 13 de fevereiro, a partir das 19h, em Blumenau, no Teatro Carlos Gomes, a palestra “A Evolução da Educação em um Mundo Digital”.

 

A palestra funciona como a aula inaugural do ano para os alunos da Unicesumar, mas é aberta ao público que quer conhecer melhor como funciona a metodologia. 

Albano trabalha com educação há mais de 15 anos e tem acompanhado a rápida evolução do EAD. 

O declínio no número de alunos no ensino presencial, motivou o MEC a publicar a portaria 2117, no dia 06 de dezembro de 2019, que permite chegar-se a 40% da carga horária dos cursos presenciais em atividades mediadas por tecnologia e a distância. 

 

“Na Unicesumar, desde 2017, isso já vem acontecendo com a implantação de cursos híbridos, que significa a união entre aulas a distância e presenciais em laboratórios. E a modalidade tem se mostrado acertada”, afirma Albano.

 

ENSINO QUALIFICADO

 

Quem acha que fazer curso a distância é mais fácil que o presencial está muito enganado. A dedicação do aluno que escolhe fazer um curso EAD exige tempo para estudar, dedicação e organização para acompanhar as aulas. 

“Não é só uma aula por semana, como muitos pensam. O aluno tem que estudar todos os dias”, avisa Albano.

 

A maioria dos alunos divide o seu tempo entre as aulas e o trabalho. Por exigir mais maturidade para fazer o EAD, ainda, a maioria dos alunos, segundo o censo da ABED, é composta por pessoas com idade a partir dos 26 anos.

Do total de matriculados no EAD, 76,3% tem idade entre 26 e 41 anos. “Porém, diante da qualidade do ensino ofertado e as tecnologias envolvidas na metodologia, os mais jovens já estão começando a migrar para o EAD”, explica.

 

PARA SUA AGENDA

 

O quê: “A Evolução da Educação em um Mundo Digital”, com Adriano Albano

Quando: dia 13 de fevereiro, a partir das 19h

Onde: Teatro Carlos Gomes, Blumenau

Quanto: gratuita

Inscrições: (47) 3035-6646



Patrocinado
Patrocinado

Agenda