Patrocinado
Conheça as principais causas da perda auditiva

Conheça as principais causas da perda auditiva

Conteúdo oferecido por Comunicare Aparelhos Auditivos.
A Comunicare Aparelhos Auditivos é uma empresa voltada à reabilitação auditiva de excelência. 
Leia esta e outras notícias sobre saúde e bem estar no 
Blog da Comunicare.

Em Blumenau estamos na rua Floriano Peixoto, 433.
Edifício Paul Cézanne, Loja 5, no bairro Jardim Blumenau.
Telefone: (47) 3288-0895.

 

O que causa a perda auditiva?

Quando a razão não está relacionada simplesmente à idade, os fatores mais comuns são infecções, perfurações do tímpano, uso indevido de tecnologias e barulho intenso no trabalho.

A audição possibilita novos aprendizados, tranquiliza a mente e ajuda-nos a melhorar a visão de mundo.

Tudo isso faz da capacidade de ouvir uma das principais dádivas do ser humano.

Apesar de todas as maravilhas desse sentido inato, muita gente não toma os devidos cuidados para manter a sensibilidade aos sons bem apurada.

Assim, existem várias causas da perda auditiva, que atingem não só idosos, mas também jovens.

Atualmente, as músicas em volume muito alto, vibradas nos fones de ouvido, são as principais responsáveis por inúmeros problemas no ato de ouvir.

 

Como é o funcionamento do ouvido?

Responsável por um dos cinco sentidos humanos, o ouvido nos possibilita perceber os sons de formas variadas.

Afinal, existem pessoas que têm o órgão mais apurado, com uma maior sensibilidade.

Basicamente, existem três áreas: a externa, a média e a interna.

Assim, as ondas sonoras são coletadas e encaminhadas à parte interna, estimulando os receptores do nervo auditivo.

Além de coletar, processar e enviar os sinais sonoros ao cérebro, o órgão também tem um papel de ajudar no equilíbrio do indivíduo.

Podendo receber sons de até 130 decibéis, o ouvido ainda tem um papel emotivo, influenciando na construção da personalidade desde os primeiros meses de vida, ainda na barriga da mãe, ou seja, tudo que se ouve influencia de alguma forma o ser que nascerá futuramente.

Sendo extremamente delicada, a audição precisa ser devidamente cuidada para evitar problemas, como a temida perda total desse sentido.

 

Quais são as principais causas da perda auditiva?

As situações que causam a perda auditiva podem ser facilmente evitadas.

No entanto, há casos ocasionados por problemas que necessitam de um tratamento médico, com um devido acompanhamento de um profissional especializado.

A perda da audição pode acontecer de maneira repentina ou gradual. Abaixo, entenda melhor as variáveis que envolvem as principais causas da perda auditiva.

 

Infecções

Entre os principais problemas que levam à perda da audição, estão as infecções, como a otite

Elas podem ser causadas por bactérias ou vírus, principalmente como sintomas de outras doenças: por exemplo, uma forte gripe ou uma alergia.

Uma das infecções mais comuns é a otite média, que gera a infecção do ouvido médio, localizado atrás do tímpano.

O acúmulo de líquido ou de impurezas na tuba auditiva, região ligada à parte posterior da garganta, facilita a inflamação, gerando um incômodo terrível.

 

Perfuração do tímpano

A perfuração do tímpano pode acontecer por meio de atitudes pouco saudáveis contra o órgão.

Entre elas, podemos citar a limpeza com materiais pontiagudos, como tubo de caneta, grampo de cabelo e até hastes flexíveis. Vale lembrar que existem métodos mais saudáveis para manter o ouvido limpo e longe do excesso de cera.

No entanto, a causa mais comum da perfuração do tímpano também é a otite média, em razão das infecções

O paciente sente uma intensa dor e sofre com sangramentos, coceira, zumbidos, diminuição da audição e presença de secreções amarelas.

A dica é procurar um médico no momento em que os primeiros sintomas começarem a aparecer.

 

Uso indevido de tecnologias

Mesmo sendo muito úteis no dia a dia, as novas tecnologias também podem ser vilãs da nossa saúde, caso não sejam utilizadas com cuidado.

Entre as ferramentas mais modernas, estão os fones de ouvidos.

Hoje, existem modelos que transmitem sons em volumes altíssimos e com a possibilidade de duração por horas, inclusive fones autônomos, que salvam as músicas em suas memórias internas.

Por isso, quem curte correr, caminhar ou fazer musculação com o som em alto volume deve tomar muito cuidado.

A orientação é sempre manter o volume em uma escala agradável.

Essa é uma das principais causas da perda auditiva entre os jovens. É uma situação que só pode ser corrigida por meio do uso de aparelhos auditivos.

Muitos smartphones, quando conectados a fones de ouvido, alertam para o volume que pode ser prejudicial. Portanto, vale a pena seguir essa indicação.

Caso o som seja percebido por quem está ao seu lado, também acenda o sinal de alerta.

 

Barulho intenso no trabalho

Outra causa da perda auditiva é a exposição a barulhos intensos no ambiente de trabalho, como aqueles provenientes de máquinas, soldas, furadeiras, guitarras, baterias, baixos e afins.

É dever dos supervisores garantir que todos os profissionais façam uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), que são utensílios (como máscaras, óculos e cinto de segurança) usados por quem atua em profissões que possam oferecer algum tipo de risco à saúde física.

O protetor auricular faz parte dos EPLs. O seu formato e o tecido de silicone protegem a audição de altas atenuações e garantem o conforto do trabalhador.

 

Quais são os principais sintomas da perda auditiva?

A nossa audição muda conforme o tempo. Entre o “escutar tudo muito bem” e o “ouvir absolutamente nada”, há um espectro extenso, com diferentes níveis de perda auditiva. Veja quais são os principais sintomas:

  1. ouvir sons fracos e difíceis de identificar: por exemplo, necessidade de manter o volume da TV muito alto e impossibilidade de escutar sons a distância;

  2. escutar e falar com dificuldade em meio a ruídos: dificuldade de manter uma conversa em ambientes com grande fluxo de pessoas e impossibilidade de dirigir com segurança, por exemplo;

  3. manter conversas que sempre precisam ser conduzidas em um alto volume e com grande esforço;

  4. escutar apenas sons fortes: esse já é um sinal de perda auditiva severa, o que torna impossível escutar sem um aparelho auditivo.

É importante se manter atento aos sinais que apontam para a perda auditiva. É dessa forma que se pode buscar uma ajuda especializada o mais cedo possível.

 

Qual é a solução para a perda auditiva?

A solução mais apropriada após uma consulta ao fonoaudiólogo normalmente é o uso de um aparelho auditivo. De maneira geral, o aparelho atua em conjunto com as quatro principais regiões que formam o nosso sistema auditivo: o ouvido externo, interno médio e o nervo auditivo.

As ondas sonoras que entram pelo ouvido externo (a parte mais externa do ouvido) chegam ao aparelho auditivo e são amplificadas.

Os impulsos maiores chegam até o nervo auditivo, que consegue enviar mais informações sonoras ao cérebro, permitindo que a pessoa consiga interpretar os sons ao seu redor.

O “segredo” está sempre em procurar ajuda médica especializada e não se deixar abalar por causa da perda de audição, afinal, existe solução!

Seja você um músico, seja você um soldador, valorize sempre a utilização do protetor auricular. Agora que você já sabe o que causa a perda auditiva e como evitar danos ao ouvido, certamente, esse problema estará bem distante da sua realidade.

 

A Comunicare Aparelhos Auditivos é uma empresa voltada à reabilitação auditiva de excelência. 
Leia esta e outras notícias sobre saúde e bem estar no 
Blog da Comunicare.

Em Blumenau estamos na rua Floriano Peixoto, 433.
Edifício Paul Cézanne, Loja 5, no bairro Jardim Blumenau.
Telefone: (47) 3288-0895.


Patrocinado