Patrocinado
O que é preciso para manter uma ONG?

O que é preciso para manter uma ONG?

Por Sidnei Donizete da Silva, voluntário da Casa de Apoio

 

Quando nos dedicamos a uma causa, todo esforço vale a pena no momento em que vemos os resultados. No entanto, se estivermos sozinhos nada é possível. 

Poucos sabem, mas uma Organização Não Governamental (ONG) precisa de recursos próprios para sua manutenção.

O valor e a doação de tempo são essenciais para viabilizar os trabalhos, mas o apoio financeiro é imprescindível para dar continuidade a eles.

Na Casa de Apoio, desde 2003, garantimos o tratamento oncológico de crianças de Blumenau e região. Já são 16 anos ao lado de pais e pequenos com histórias incríveis. 

Hoje, temos 72 pacientes com câncer infantil e síndromes raras. E esse trabalho não aconteceria se não tivéssemos o auxílio da comunidade, que contribui conosco de diversas formas.

No pedágio anual, com a compra de ingressos para eventos e feiras que fazemos esporadicamente, além de rifas com prêmios cedidos por empresas da região, bazares e outros eventos abertos ao público.

Somos 16 profissionais e voluntários que doam seu tempo, amor e dedicação em prol de pequenos anjos que lutam pela vida.

É um trabalho delicado que envolve além de fisioterapeutas, fonoaudióloga, psicopedagoga, psicóloga e assistente social, a compra de medicamentos e manutenção de aparelhos que possibilitem um atendimento de excelência para as crianças.

Temos planos de construir uma nova sede para que possamos acolher ainda mais pacientes. E para continuar prestando serviços de qualidade gratuitamente, toda a ajuda é bem-vinda.

Diariamente lidamos com perdas, mas também com evoluções que nos enchem os olhos de lágrimas. Cada passo é importante quando se trata da vida das crianças. E engana-se quem pensa que somente elas que estão em tratamento. É toda a família que sofre ao lado do filho e vibra junto com as melhoras, por menores que sejam. 

Visite as ONGs da região. Conheça o trabalho voluntário, acompanhe o uso dos recursos doados e faça parte dessa corrente do bem. Você, assim como eu e todos que estão envolvidos com o projeto, certamente irá se apaixonar pela causa. Estamos em Blumenau, no bairro Ponta Aguda, de portas abertas à comunidade. 


Patrocinado