Patrocinado
Mário implantou rédeas curtas e chamou a responsa

Mário implantou rédeas curtas e chamou a responsa

CARLOS TONET

 

As mudanças anunciadas ontem pelo prefeito Mário Hildebrandt representam as mais radicais alterações estruturais já produzidas na prefeitura.

Mário implantou rédeas curtas e chamou a responsa em diversas áreas.

Ele extinguiu sete autarquias.

Seis foram incorporadas ou transformadas em secretarias e uma delas, a URB, foi fechada:

  1. O Seterb deixa de ser um órgão e se transforma na Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte.

  2. A Faema é extinta e se transforma na Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

  3. A Fundação Municipal de Desportos deixa de existir e passa a ser Secretaria Municipal do Esporte.

  4. A Fundação Pró-Família deixa de existir e vira a Secretaria Municipal da Família.

  5. A Fundação Cultural é extinta e substituída pela Secretaria Municipal de Cultura e Relações Institucionais.

  6. A Vila Germânica deixa de existir e é incorporada pela Secretaria de Turismo.

  7. A URB foi extinta e suas funções foram terceirizadas.

Todas as estruturas existentes para a prestação dos serviços serão mantidas.

A prefeitura prevê uma economia inicial de R$ 14 milhões até o final de 2020.

Essas mudanças reduzem os gastos com pessoal e desburocratizam a gestão.

 

RÉDEAS CURTAS

A reforma apresentada é a mais radical jamais feita na prefeitura e concentra ainda mais a gestão nas mãos do prefeito.

Formado em Administração de Empresas pela Furb e pós-graduado em Ciências Contábeis pela FGV, Mário tem especial apreço pelas coisas da gestão e entende que o prefeito deve ter participação efetiva no controle de gastos e investimentos em todas as áreas.

No caso de Blumenau todas essas áreas passam agora a funcionar sob supervisão direta do Comitê Gestor e do próprio prefeito.

Mário tem reiterado que o objetivo das mudanças é gastar menos com a atividade e colocar mais dinheiro na prestação dos serviços ao cidadão.

É sem dúvida um novo modelo para a gestão pública municipal e aumenta a carga de responsabilidade do prefeito, que passa a controlar as contas com rédeas curtas e também passa a ser cobrado diretamente pelos resultados.

Mário puxou várias buchas para mais perto de si e chamou a responsa.

É o que se espera de todo administrador.


Patrocinado