Clique aqui para anunciar

Inadimplência cai pelo terceiro mês consecutivo, em Blumenau

Inadimplência cai pelo terceiro mês consecutivo, em Blumenau

Pesquisa elaborada pelo Projeto de Extensão Cidadania Financeira no Vale do Itajaí da Furb  com dados do SPC - Serviço de Proteção ao Crédito, aponta queda de 1,29%  na inadimplência, em setembro.

Esta é quinta diminuição no ano e a terceira consecutiva, em Blumenau.

Para o economista e professor da FURB, Bruno Thiago Tomio, a liberação dos recursos do FGTS das contas inativas ajudou muito na diminuição da inadimplência da população blumenauense, mas agora vêm perdendo força gradativamente.

De acordo com Tomio, a dívida média por pessoa negativada em Blumenau é de R$ 1.922,00 e que, em média, há dois registros por pessoa no SPC.

 

O índice de inadimplência é de setembro de 2017 (-1,29%) é quase igual ao de setembro de 2016 (-0,78%).

 

Para o presidente da CDL BlumenauHelio Roncaglio, apesar da diminuição do efeito da liberação do FGTS, a expectativa é que a inadimplência continue caindo em virtude dos trabalhos temporários gerados na Oktoberfest:

“Este é um dos efeitos positivos que a Oktoberfest, assim como as demais festas de outubro aqui no Vale do Itajaí, traz à economia”.

Roncaglio lembra ainda que nos próximos meses as pessoas receberão parte do 13º e também as férias, o que ajudará a aquecer o comércio.

 

Registros e Cancelamentos

Em relação à quantidade de registros no SPC, em setembro de 2017 houve uma queda de 27,15% em relação ao mês anterior. 

Tomio explica ainda que, sobre os outros dados de registros em Blumenau, o mês de setembro de 2017 apresenta um cenário de melhora de inadimplência nos comparativos mensal e anual.

Em relação às variações mensais, destacam-se, além da variação negativa de 27,15% dos registros: (1) o número de pessoas diminuiu em 18,66%, e (2) o valor total apresentou queda de 24,80%.

Em relação ao ano anterior, merece destaque: (1) registros estão 26,93% menores, (2) há uma queda de -24,90% no número de pessoas registradas neste mês do que em setembro do ano passado, e (3) o valor total negativado deste mês é 34,08% menor do que há um ano.

Em relação ao mês anterior, setembro de 2017 apresentou uma queda de 46,68% nos cancelamentos de registros.

Esta é a quarta queda do ano.

O comportamento do indicador neste mês é parecido com o ocorrido em setembro de 2016, quando houve uma diminuição nos cancelamentos de 24,68%.

Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado