Patrocinado
Haitianos iniciam aulas de programação no Entra21-Blusoft

Alunos receberão formação gratuita avançada em programação de sistemas e desenvolvimento web

Haitianos iniciam aulas de programação no Entra21-Blusoft

Já iniciaram as aulas do Programa Entra21-Blusoft 2016, contando com a participação de cerca de 30 haitianos que vivem em Blumenau e região.

Eles integram o grupo de 300 jovens selecionados para receber formação gratuita avançada em programação de sistemas e desenvolvimento web durante os próximos seis meses.

Assim como seus colegas brasileiros, os haitianos aprovados ao final do curso deverão ser contratados por empresas de TI da região. 

No total, 80 haitianos se inscreveram para participar do programa. Todos passaram por testes e entrevistas que identificam a aptidão para o desenvolvimento de sistemas e cerca de 30 foram aprovados.

Devido a compromissos com seus empregos, 20 imigrantes foram reunidos numa turma especial com aulas à noite.

Eles recebem formação técnica em desenvolvimento de linguagem Java e aulas de português, além de vale transporte e todo o material didático.

Experiência inovadora

Sérgio Tomio, coordenador do Entra21-Blusoft, informa que a decisão de abrir vagas para imigrantes haitianos surgiu a partir da constatação de que muitos deles são qualificados, possuem curso superior em seu país e falam fluentemente francês ou inglês.

“Tivemos manifestações por parte de empresas interessadas em aproveitar o potencial destas pessoas”, diz Tomio, que complementa:

“Além disso, é uma forma de proporcionar aos imigrantes o acesso a postos de trabalho qualificados."

Patrocinado
Patrocinado